Prorrogadas as inscrições para processo seletivo de professor na rede estadual de ensino

Foram prorrogadas até o dia 17 de novembro as inscrições para o processo seletivo, sob o Regime de Direito Administrativo da Bahia (REDA), para professores da rede estadual de ensino.

São ofertadas 2.491 vagas para a função temporária de Professor Padrão P – Grau III, com carga horária 20 horas semanais.  As vagas são direcionadas para todo o Estado e englobam os municípios componentes dos 27 Núcleos Territoriais de Educação (NTEs).  Os candidatos devem ter formação de nível superior em Licenciatura Plena. As inscrições são realizadas, exclusivamente pela Internet, no site www.selecao.uneb.br/educbasicasec.

O Processo Seletivo será realizado em uma única etapa, no dia 8 de dezembro, com aplicação de provas objetivas, de caráter eliminatória e classificatória. Os locais e horários das aplicações das provas serão divulgados no Cartão de Identificação do Candidato, que será disponibilizado no site até o dia 4 de dezembro.

O prazo de validade do Processo Seletivo Simplificado será de um ano, a contar da data da publicação da homologação, podendo antes de esgotado este prazo, ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da administração, por ato expresso do Secretário da Educação do Estado da Bahia.

Escolas estaduais passarão a comprar alimentação escolar de forma mais rápida

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) aderiu ao Cartão PNAE, uma ferramenta criada pelo Banco do Brasil a pedido do Ministério da Educação (MEC), por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que permite uma nova forma de realizar o repasse dos recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) para as unidades escolares da rede estadual de ensino e dos municípios. Por meio do cartão de pagamentos, a compra da alimentação escolar se tornará ainda mais rápida e transparente.

O projeto iniciou em abril deste ano, após a Secretaria da Educação do Estado da Bahia ter sido escolhida pelo FNDE como participante do piloto, juntamente com a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo. O projeto piloto foi iniciado nos colégios estaduais Senhor do Bonfim e Roberto Santos, além de mais oito unidades escolares. Já foram cadastradas no Sistema de Gestão do Cartão PNAE 1.141 unidades escolares estaduais, sendo gerados 593 cartões. De acordo com o Banco do Brasil, o uso dos cartões será implementado em todo o país.

“Com a implantação do Cartão PNAE não haverá mais repasse de recurso financeiro do PNAE para as contas corrente das unidades escolares, pois o princípio do cartão é a inserção de limite mensal no valor igual ao da parcela a qual a escola tem direito. Em 2020, todas as unidades escolares estaduais passarão a utilizar efetivamente o Cartão PNAE, movimentando em torno de R$ 65 milhões na aquisição dos gêneros alimentícios para a alimentação escolar”, afirmou a diretora de Recursos Informacionais e Transporte Escolar da SEC, Suely Miranda.

Dentre as vantagens do sistema do Cartão PNAE, destacam-se: mais agilidade na realização dos pagamentos dos gêneros alimentícios, visto que o uso do Cartão PNAE permite a liquidação automática e direta das despesas em favor do estabelecimento comercial; e mais controlesobre a destinação dada aos recursos, já que todos os pagamentos realizados com o cartão trazem a identificação dos estabelecimentos comerciais destinatários dos créditos. Além disso, o sistema proporciona a transparência na execução dos recursos, pois os gestores escolares poderão gerar demonstrativos mensais de todos os pagamentos realizados com o Cartão PNAE, sem a necessidade de solicitação às agências, pela internet, por meio do Autoatendimento Setor Público ou pelos Terminais de Autoatendimento do Banco do Brasil.

Novos dirigentes de Núcleos Territoriais de Educação são empossados em Salvador

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) empossou, nesta quinta-feira (7), nove dirigentes de Núcleos Territoriais de Educação (NTEs). A cerimônia, que contou com a presença do secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, foi realizada na sala de reuniões do gabinete da Secretaria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

Foram empossados os dirigentes dos núcleos de Seabra (NTE 03), Serrinha (NTE 04), Valença (NTE 06), Teixeira de Freitas (NTE 07), Juazeiro (NTE 10), Itaberaba (NTE 14), Santo Antônio de Jesus (NTE 21), Jequié (NTE 22) e Senhor do Bonfim (NTE 25).

O secretário Jerônimo Rodrigues deu as boas-vindas aos novos colaboradores e falou da importância do trabalho deles para o bom funcionamento da Educação em seus respectivos territórios. “Os dirigentes dos núcleos são os secretários da Educação em seus territórios e que são importantes para fazer a Educação se desenvolver, ainda mais, em cada região. É essencial que eles tenham esse alinhamento com a Secretaria”, destacou.

A gestora do Núcleo Territorial de Senhor do Bonfim (NTE 25), Dourineide Conceição, disse que está entusiasmada com o novo desafio. “Estou muito feliz com a iniciativa da SEC em nos trazer até aqui para conhecermos toda a estrutura de funcionamento da Secretaria e saber como será o nosso trabalho. Percebi que a Secretaria está preocupada em melhorar a qualidade da Educação baiana e que existe um planejamento e direcionamento para nortear o nosso trabalho”, afirmou.

Hernane de Oliveira, dirigente do núcleo de Santo Antônio de Jesus (NTE 21), falou das perspectivas de atuação no núcleo. “As expectativas são as melhores possíveis para um futuro mais próspero na Educação e, pelo que percebi e ouvi do secretário, a área pedagógica é o principal foco da Secretaria e isso coaduna com as ideais da maioria dos demais representantes de núcleos e em especial para mim. Ao longo desses 30 anos de serviço entendo que a questão pedagógica é essencial e espero fazer um bom trabalho à frente do núcleo”, salientou o gestor.

Veja a lista dos empossados:

NTE 03 – Seabra – Halana Martins dos Santos Carmo

NTE 04 – Serrinha – Gleidson Silva Santos

NTE 06 – Valença – Francisco Cruz do Nascimento

NTE 07 – Teixeira de Freitas – Maria Dias Assunção

NTE 10 – Juazeiro – Reginaldo Alves de Menezes

NTE 14 – Itaberaba – Valdeci Silva Carvalho

NTE 21 – Santo Antônio de Jesus – Hernane Neves de Oliveira

NTE 22 – Jequié – Thaisa de Farias Pereira

NTE 25 – Senhor do Bonfim – Dourineide de Souza Conceição

Escolas em toda a Bahia aplicam avaliações de Língua Portuguesa e Matemática com foco no IDEB

As escolas das redes estadual e municipais de ensino da capital e do interior iniciaram, nesta segunda-feira (21), a aplicação das avaliações de Língua Portuguesa e Matemática do Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB), que é fundamental para a definição do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) dos Estados. As provas do SAEB serão aplicadas até o dia 1º de novembro em todo o Brasil, no horário regular das aulas. Na Bahia, mais de 460 mil estudantes das redes estadual, municipais e, também, da rede privada devem fazer as avaliações.

As provas são direcionadas a estudantes do Ensino Fundamental (5º ano e 9º ano) e do Ensino Médio (3º ano e 4ª série da Educação Profissional). Em caráter amostral, este ano o SAEB também abrangerá o 2º ano do Ensino Fundamental e a Educação Infantil.

A estudante Maria Vitória Carvalho Silva, 18, 3º ano, do Colégio Modelo, localizado em Jequié (283 km de Salvador), saiu otimista da avaliação. “Tanto a prova de Português quanto a de Matemática foram muito tranquilas de se responder. Além de avaliar o nosso aprendizado, as avalições do SAEB também servem como uma preparação para o ENEM, pois os conteúdos são bem diversos. Gostei muito da experiência”, afirmou.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, falou da importância da realização das avaliações do SAEB. “As escolas das redes estadual, municipais e particulares estarão passando por este processo de avaliação e seu objetivo é justamente que o resultado ajude a União, o Estado e os municípios a orientarem suas políticas públicas voltadas para a Educação Básica brasileira”, salientou.

Jerônimo ainda ressaltou o papel das famílias e do regime de colaboração com os municípios neste processo. “Quero fazer um apelo aos pais e responsáveis para que nestas duas semanas os nossos estudantes possam frequentar as escolas com este espírito de fazer as provas do SAEB com muita disposição e sem preconceito do que possa acontecer de resultado. Fizemos um esforço muito grande na área de formação de professores e com o nosso sistema de avaliação SABE, tendo uma boa relação com as secretarias municipais de Educação. Portanto, é isso que entendemos de regime de colaboração: a educação baiana é responsabilidade do Governo do Estado, dos municípios, dos empresários da Educação, dos familiares, dos próprios estudantes e percebemos que todos estão animados e envolvidos em prol de melhores resultados das escolas da Bahia”, finalizou.

Fátima Medeiros, coordenadora estadual do SAEB, ressaltou que a participação dos estudantes é fundamental. “Os agendamentos das aplicações estão sendo feitos com todas as escolas, com orientações para garantir uma maior participação dos estudantes e uma boa organização do processo. Isto é fundamental porque as escolas precisam garantir a participação de pelo menos 80% de estudantes para que o resultado da avaliação seja divulgado pelo INEP”, enfatizou.

Foto: Ilustrativa/ Claudionor Jr.

Começam inscrições do processo seletivo para professor na rede estadual de ensino

Já estão abertas as inscrições do processo seletivo sob o Regime de Direito Administrativo da Bahia (REDA) para professores da rede estadual de ensino. São ofertadas 2.491 vagas para a função temporária de Professor Padrão P – Grau III, com carga horária 20 horas semanais.  As vagas são direcionadas para todo o Estado e englobam os municípios componentes dos 27 Núcleos Territoriais de Educação (NTEs).  Os candidatos devem ter formação de nível superior em Licenciatura Plena. As inscrições serão realizadas até o dia 4 de novembro, exclusivamente pela Internet, no site www.selecao.uneb.br/educbasicasec.

“O processo seletivo consiste em vagas reais para atender os lacais onde estão vencendo o REDA vigente e ou não houve aprovados no último concurso”, destacou a superintendente de Recursos Humanos da Educação, Maria do Rosário Muricy.

O Processo Seletivo será realizado em uma única etapa, no dia 8 de dezembro, com aplicação de provas objetivas, de caráter eliminatória e classificatória. Os locais e horários das aplicações das provas serão divulgados no Cartão de Identificação do Candidato, que será disponibilizado no site até o dia 4 de dezembro.

O prazo de validade do Processo Seletivo Simplificado será de um ano, a contar da data da publicação da homologação, podendo antes de esgotado este prazo, ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da administração, por ato expresso do Secretário da Educação do Estado da Bahia.

Saiba mais no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br)

 Foto: Ilustrativa / Divulgação

Estado e municípios se unem na mobilização das escolas para as provas com foco no IDEB

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) iniciou, nesta segunda-feira (7), uma série de encontros nos 27 Territórios de Identidade da Bahia, mobilizando as redes estaduais e municipais de ensino para a aplicação das provas do Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB). A avaliação nacional, que abrange as disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, será realizada de 21 de outubro a 1° de novembro, em todo o país, e serve como base para o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

O encontro territorial, que também será realizado na quinta-feira (10), é mais uma ação em parceria com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME-Bahia), e conta com a participação de dirigentes da SEC, dos Núcleos Territoriais de Educação (NTE), e das secretarias municipais de Educação, além de representantes do Instituto Anísio Teixeira (IAT). Entre os temas abordados durante os encontros, estão as bases conceituais, procedimentos e dados estatísticos que subsidiam as provas SAEB e o cálculo do IDEB. Outro foco é a socialização de estratégias desenvolvidas pelas escolas para que os estudantes façam as provas do SAEB.

A avaliação é realizada a cada dois anos, envolvendo todas as redes públicas do Brasil. O objetivo é extrair a nota de proficiência, ou seja, o conhecimento que o estudante apresenta em Língua Portuguesa e Matemática. Todos os estudantes do 5º ao 9º ano do Ensino Fundamental, da 1ª a 3ª série do Ensino Médio, e da 4ª série da Educação Profissional devem participar da avaliação.

O subsecretário da Educação do Estado, Danilo Souza, que participou do encontro, nesta segunda-feira, em Feira de Santana, falou sobre a importância deste processo de mobilização. “A prova SAEB é uma referência muito importante para monitorarmos as políticas públicas, estruturarmos as práticas e o processo de formação dos profissionais de Educação. É um medidor extremamente importante para se avançar na qualidade do ensino”, ressaltou o gestor, que contou sobre o fortalecimento do  Sistema de Avaliação Baiano de Educação (SABE). “A Bahia implantou o SABE, que vai servir para monitorarmos, também, os nossos índices de aprendizado nos anos em que não forem aplicadas as avaliações nacionais”, explicou.

O presidente da UNDIME Bahia, Williams Panfile, destacou que esta mobilização faz parte de uma série de ações em parceria com a SEC, visando a melhoria da Educação. “Desde o início do ano que intensificamos o trabalho em parceria com a SEC, unindo as redes estaduais e municipais de ensino, para a melhoria da Educação. O diálogo envolve diversas iniciativas como o SABE e as discussão sobre a Base Nacional Curricular Comum (BNCC)”, explicou.

Para o diretor Marcos Antônio Queiroz, do Núcleo de Paulo Afonso (NTE 24), este é um momento decisivo para a mobilização nos municípios. “Conseguimos trazer os secretários municipais para este encontro, fazendo com que tenham mais conhecimento sobre a importância da avaliação para a melhoria da Educação. Com esse diálogo, podemos garantir um planejamento para que as escolas mobilizem os estudantes e eles possam participar das provas”, enfatizou.
AGENDA

07 de Outubro (segunda-feira)

Irecê: CJCC – Av. Caraíbas, 659 – Centro
Seabra: Colégio Estadual de Seabra, Av. Franklin de Queiróz, 0595 – Centro
Itabuna: Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, Av. José Soares Pinheiro – Centro Comercial
Teixeira de Freitas: CETEPs, Rua Beira Vale, 38 – Jardim Caraipe
Itapetinga: Colégio Estadual Alfredo Dutra – Av. Esperanto s/n – São Francisco de Assis.
Itaberaba: Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, Joel Presidio, s/n – São João
Ipirá: Auditório do CETEP, Rua Dr Elziro Macedo, s/n – Centro
Jacobina: Auditório do Colégio Municipal Gilberto Gil Miranda, Rua Antônio Vieira De Mesquita, Bairro: Felix Tomaz.
Santo Antônio de Jesus: Colégio Estadual Francisco da Conceição Menezes – R. Machado Bitencourt, s/n – Andaia.
Jequié: Centro Estadual de Educação Profissional em Gestão da informação Regis Pacheco – Rua 15 de novembro, s/n Campo do América.
Eunápolis: Colégio Estadual Armanando Ribeiro, R. Maria Quitéria, 281, Centro
Salvador: IAT – Estrada das Muriçocas, s/n – São Marcos.
Paulo Afonso: Auditório do CTDA/UNEB. R. do Gongorra, s/n, Bairro: Alves de Souza

10 de outubro (quinta-feira), às 8h

Serrinha: Auditório do CETEP – Av. Araci s/n Cidade
Valença: Colégio Estadual Gentil Paraíso Martins – Rua Pedro Sanches, Graça.
Amargosa: CETEP – Qd 2 Estrada Amargosa Milagres – S/N.
Juazeiro: Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães – Rua João XXIII, Bairro João XXIII s/n.
Caetité: Avenida Professora Marlene Cerqueira, Centro Administrativo, prédio 03. Bairro Prisco Viana. Caetité-BA
Alagoinhas: CETEP – Rua Maria Feijó, Centro
Vitória da Conquista: Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães – Av. Luís Eduardo Magalhães, S/N – Candeias.
Senhor do Bonfim: Colégio Estadual senhor do Bonfim – Rua Floriano Peixoto, 150, Pd Centro.
Barreiras: CETEP – Av. ACM, n° 2600, Bairro – Flamengo

Fotos: DivulgaçãoAcesse mais fotos sobre o assunto: https://flic.kr/s/aHsmHxeMfR

Secretaria da Educação discute sobre segurança e cidadania digital com professores e estudantes em Valença

A Secretaria da Educação do Estado realizou, nesta quarta-feira (11), no Centro Cultural de Valença Olívia Barradas, em Valença (120 km de Salvador), uma oficina sobre o tema “Segurança e cidadania digital: educando para boas escolhas on-line”. A atividade, voltada para professores, gestores e coordenadores pedagógico, teve o objetivo de contribuir para o uso seguro, consciente e responsável da internet e promover a cidadania no mundo digital. A oficina, que também contou com a participação de estudantes, é promovida pela Secretaria da Educação, através do programa Acolher, em parceria com o Ministério Público do Estado da Bahia e a SaferNet Brasil. A mesma atividade também será realizada nesta quinta-feira (12), às 8h, no Centro Cultural de Santo Antônio de Jesus.

A coordenadora do Programa de Apoio e Assistência à Saúde do Professor e do Estudante, Silvia Fonseca, falou da importância da atividade para os educadores. “Na oficina são discutidas questões de cidadania e segurança que impactam na vida da sociedade como um todo. Por meio da atividade, os educadores aprendem a formular estratégias pedagógicas para discutir o tema com os estudantes como uma forma de prevenção à violência virtual”, destacou.

Para o professor e vice-diretor do Colégio Estadual Paulo César da Nova Almeida, Cristiano de Araújo Filho, localizado em Ibirapitanga, este tipo de discussão é fundamental. “Os temas tratados são muito atuais e necessários, pois são situações que acontecem no meio virtual e que, muitas vezes, a gente não se dá conta. É essencial que este diálogo seja feito com os professores e ampliado para os estudantes”, afirmou o educador.

O pedagogo do Ministério Público, José Gomes da Silva, que foi um dos instrutores da oficina, falou quais os temas discutidos. “Nosso intuito é levar informações e conhecimentos sobre como as pessoas devem se comportar e se defender contra crimes na Internet. Durante a oficina, abordamos sobre os direitos e deveres on-line, além dos riscos de ações como Cyberbullying para que os educadores possam trabalhar essas temáticas em sala de aula com os estudantes”, explicou.
Fotos: Divulgação

Termina nesta sexta-feira (13) processo seletivo para o projeto Mais Estudo de monitoria estudantil

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia realiza, até sexta-feira (13), o processo de seleção de monitores do projeto Mais Estudo. O projeto, de monitoria estudantil, é voltado para o fortalecimento das aprendizagens em Língua Portuguesa e Matemática nas escolas da rede estadual de ensino. Com o projeto, estudantes com bom desempenho escolar apoiarão outros colegas nas aprendizagens destas disciplinas e receberão uma bolsa mensal de R$ 200,00 nos próximos três meses.

Cabe a cada escola selecionar os estudantes para o projeto, por meio de comissão formada pela gestão e professores das disciplinas relacionadas. A comissão deve levar em conta critérios estabelecidos no edital, entre os quais está a nota igual ou superior a oito dos estudantes para a monitoria e fazer a adesão ao projeto, já indicando os estudantes selecionados, por meio do Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br).

A superintendente de Políticas para a Educação Básica da SEC, Manuelita Falcão, fala sobre este processo. “O processo é bem simples para dar a maior agilidade na implantação do projeto, que já deverá estar em pleno funcionamento, com as monitorias sendo iniciadas na próxima segunda-feira, dia 16 de setembro”, afirmou.

A previsão é que sejam investidos recursos na ordem de R$ 4,5 milhões no auxílio monitoria, beneficiando 10 mil estudantes. Além de fortalecer as aprendizagens dos estudantes, o Mais Estudo também visa despertar no aluno monitor o desejo pela prática docente por meio de atividades de natureza pedagógica e contribuir com práticas inovadoras de ensino e de aprendizagem, considerando a fluidez do diálogo e a aproximação existente entre os estudantes.

Nas escolas, os estudantes já selecionados falam da expectativa para o início da monitoria. É o caso de Thiago Santana Ramos, 16 anos, 9º ano, do Colégio Estadual Governador Otávio Mangabeira, localizado no bairro do Saboeiro, em Salvador, que teve nota dez (10) em Matemática em cada unidade letiva. “Estou muito feliz em poder fazer parte deste projeto, pois sempre quis ser professor e acho belíssimo o ato de ajudar o próximo. Vai ser um prazer contribuir para o aprendizado dos meus colegas de escola”, revelou.

Saiba mais: www.educacao.ba.gov.br

Setembro Amarelo: Secretarias da Educação e da Saúde promovem palestra virtual sobre prevenção ao suicídio

Como parte da Campanha Setembro Amarelo, que está mobilizando as escolas estaduais em diferentes atividades em torno da prevenção ao suicídio, será realizada mais uma webpalestra sobre a temática, nesta quinta-feira (12). A palestra virtual será transmitida, às 14h30, pelo link (http://telessaude.ba.gov.br).

A ação, que é promovida pelas secretarias Estaduais da Educação e Saúde, abordará “O suicídio na população negra”, com o psicólogo social, Valter da Mata Filho, que também é responsável pelo Serviço de Psicologia do Centro de Referência de Combate ao Racismo e Intolerância Religiosa Nelson Mandela.

As ações na SEC acontecem por meio do programa Saúde do Professor, com o objetivo de promover uma maior compreensão e conscientização da comunidade escolar sobre o problema. As palestras virtuais acontecerão todas as terças e quintas-feiras deste mês. As escolas também estão realizando palestras, debates, mesas redondas e caminhadas, a exemplo da caminhada promovida pela comunidade escolar do Colégio Estadual Pedro Ribeiro, no bairro do São Caetano (foto).

Outra iniciativa nas escolas é a divulgação do Núcleo de Estudo e Prevenção do Suicídio (Neps), da SESAB. O serviço, que integra o portfólio do Centro de Antiveneno da Bahia (Ciave), atua na prevenção de suicídios e na redução de reincidências da tentativa destes eventos. A equipe do núcleo é formada por enfermeiros, psicólogas, terapeutas ocupacionais, psiquiatras e estagiários de Psicologia, que atendem pacientes de todas as idades. O acesso ao serviço se dá através de demanda espontânea ou por casos de tentativa de suicídio identificados em emergências. As atividades do núcleo foram iniciadas em 1991 e, atualmente, o núcleo é referência na Bahia e no Brasil. As ações do NEPS incluem orientação aos pacientes e familiares, e, também, a preparação de equipes de Saúde.

Mais sobre o Setembro Amarelo – No Brasil, o “Setembro Amarelo” foi criado em 2015 pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), com a proposta de associar a cor ao mês que marca o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio (10 de setembro). A ideia é pintar, iluminar e estampar o amarelo nas mais diversas resoluções, garantindo mais visibilidade à causa.Fotos: Ilustrativas/ Divulgação

Universidade Coorporativa do Servidor abre inscrições para novos cursos

A Universidade Coorporativa do Servidor (UCS/Seplan) está com  inscrições  abertas para as novas turmas dos cursos “Básico Planejamento – Plano Plurianual”, “Política Territorial – Princípios e Fundamentos” e “Básico Planejamento – Indicadores”.  As capacitações, que serão realizadas ainda no mês de setembro, são oferecidas a todos os servidores estaduais e têm como pré-requisito o curso de Introdução ao Planejamento Governamental. Inscrições e mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3115-3565 ou pelo endereço de e-mail ucs.seplan@seplan.ba.gov.br.